domingo, 19 de outubro de 2008

Mitocôndrias

Mitocôndrias devem ser protegidas. Imaginem que é o centro de produção de energia da célula e ao mesmo tempo, é o local onde mais produzimos radicais livres. Bem, isso é meia verdade, segundo estudos, o local onde mais produzimos é o intestino, particularmente na luz intestinal. Bem, mas na fosforilação oxidativa, nós produzimos radicais livres, daí nossa capacidade antioxidante mitocondrial especificamente tem que estar no limite ótimo, sempre. Nunca paramos de produzir energia, daí é lícito imaginar que estamos sempre produzindo radicais livres e portanto precisamos sempre de antioxidantes intramitocondriais. Hà estudos voltados para este tema. Coenzimas mitocondriais estão sendo estudadas, protetores mitocondriais estão sendo estudados e já há estudos falando de coquetéis mitocondriais. Falei sobre isso no meu curso em São Bernardo do Campo. Eu particularmente acho que é interessante protegermos a mitocondria, o risco de deleção no DNA mitocondrial é maior, o DNA mitocondrial é menor que o do nucleo. Menos proteinas expressas, mais risco de lesão com a tensão oxidativa. Bem, eu listarei a seguir moléculas que tem sido associadas a proteção mitocondrial: niacinamida (NADH), riboflavina (FADH2), l-carnitina, creatina, ácido lipoico, glutationa (pode ser NAC), superóxido dismutase mitocondrial (dependente de manganês). Acho que seria um bom coquetel mitocondrial misturar tudo isso num produto e ingerir todo dia.

Um comentário:

Felipe Marangon disse...

Ola Henry. Infelizmente a Creatina continua proibida pela ANVISA. Nem mesmo importar no podemos. O que me chama atenção e intriga minha curiosidade é como as farmácias de manipulação conseguem manipular creatina, visto que nas lojas de suplemento ela não pode ser comercializada.

Abraços

Felipe Marangon
Brasilia DF

Health.com - Health and Medical Information